Thursday, February 1, 2007

Serviços de Imigração...

A pergunta que se faz é: Será normal que nos serviços de Imigração haja pessoas que não falem inglês?
Já ando há vários meses (mais ou menos desde que cheguei...ou seja desde Novembro) a tratar de mudar o visto de turista para visto de residente. O processo até tem corrido bem, mas como tudo no Japão é complicadissimo, mas hoje não vos vou maçar com a explicação de todos os passos (vou deixar isso para quando o processo esteja efectivamente terminado) mas fiquei de tal forma surpreendida com o que me aconteceu hoje que não consigo deixar de comentar!
Telefonei para os serviços de imigração e a primeira vez fui atendida por uma senhora que me disse que não sabia falar inglês e pediu para eu ligar mais tarde...voltei a ligar e atendeu-me outra senhora que mais uma vez disse que não sabia falar inglês, mas ia passar a chamada...passou a chamada e lá falei com uma senhora que me entendia, mas a determinada altura ela diz-me que tenho que falar com outro departamento...a senhora passa a chamada e mais uma vez sou atendida por uma senhora que não sabe falar inglês e por isso passa a chamada para outra senhora que falava um inglês tão mau que no fim fiquei sem ter a certeza se ela percebeu o que eu lhe disse e me deu a informação certa ou se não percebeu e deu a informação errada...

2 comments:

JAmorim said...

Lulu,

Isso não passa de um sinal que os Portugueses afinal deixaram marcas profundas no Japão... e nós a pensarmos que tantos séculos depois já não restava nada.

Por outro lado também é bom que é para quando voltarem não tenham desaprendido a forma como lidar com a burocracia e estupidez reinante nos serviços públicos (não confundir com empresas de capitais públicos!!!!)

Beijinhos

João (Amorim)

Lu said...

É verdade João, aqui a grande diferença para Portugal é que o processo funciona...é muitooooo grande, muitooooo complexo, tem que se fazer milhares de coisas, preencher papeis idiotas... mas se fizermos tudo acaba bem...já em Portugal há um factor C que muitas vezes altera as coisas!

Google